h1

A lei seca e as estatísticas

setembro 16, 2008

Diz o ditado que Deus protege os bêbados.

Mas nossos governantes pouco se importaram com a sabedoria e crença popular e, como todos sabem, lei seca neles.

E praticamente de um dia pro outro, boa parte dos brasileiros mudaram alguns de seus hábitos norturnos. Dirigir depois daquele choppinho com os amigos passou a ter uma pena mais dura que cometer um homicídio. Como sair matando por aí não é tão legal quanto dar umas risadas num bar, a galera começou a dar uma maneirada no copo mesmo.

Exageros à parte, contra fatos não há argumentos (o exagero fica por conta dos valores das multas e das penalidades previstas. Ser preso por 3 chopps? Ninguém fica lelé a ponto de causar acidentes com essa dosagem. Mas o curioso, mesmo, é que junto com a lei veio um aumento impressionante na fiscalização. À noite, e principalmente nos fins de semana, se vê blitz como nunca se via. Será que, como muita coisa no Brasil, apenas esse esforço para fazer a lei (que já existia) já não bastava, pelo menos num primeiro momento??).

Mas falava eu sobre os fatos. Os resultados foram positivos já nas primeiras semanas, e os resultados “consolidados” (consultês spell detected) a médio-longo prazo devem comprovar ainda mais a eficácia da lei, dizem as estatísticas.

Ah, elas… as estatísticas. Elas também tem suas ironias deliciosamente divertidas. Deu na Folha de S. Paulo, em matéria falando sobre a eficácia da Lei:

“A pesquisa aponta ainda redução das mortes no trânsito em relação ao total -eram 15%, em 2007; agora são 10%. (…) A redução, entretanto, não é regra: nas mortes por atropelamento, o percentual de alcoolizados subiu de 31% para 52%.”

Portanto você, bebum, lembre-se: Se beber, pegue um taxi para atravessar a rua. A lei está deixando sua vida cada vez mais perigosa!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: